Saiba como prevenir lesões no ciclismo – Sobrecarga

Saiba como prevenir lesões no ciclismo – Sobrecarga

As lesões no ciclismo que não são traumáticas e muitas vezes causadas por acidentes, são por via de regra decorrentes de problemas relacionados a falta de condicionamento físico ou de uma postura errada em cima da bicicleta. Ou até os dois fatores juntos… Aí, meu caro amigo: “deu ruim”.  

Conversamos com os especialistas da Care Club –  Dr. Marcel Faraco, médico ortopedista – especialista em joelho, e Natan Alves, fisioterapeuta esportivo.

​​O foco deste tópico não será em lesões traumáticas decorrentes de acidentes com a Bike de Estrada, MTB ou de Triathlon, que merecem serem vistos sempre de maneira individualizada, mas sim em lesões consequentes de sobrecarga e esforços repetitivos. 

O que é a lesões por sobrecarga no ciclismo – bike de estrada / MTB

O fator que mais chama atenção em lesões por sobrecarga é a má administração do volume de treino ou, erro de periodização. O que é ? Erro de periodização é o desequilíbrio entre uma carga aguda (que aconteceu nos últimos 7 dias) somado com a carga crônica  (últimas 4 semanas anteriores a carga aguda). Uma introdução brusca de altas cargas agudas pode gerar um desequilíbrio e o atleta estará propenso a lesões. Estudos aconselham aumentos de no máximo 10% de carga referente à semana anterior. Já no ciclismo, seja uma treinamento para bikes de estrada ou MTB, a carga seriam as distâncias percorridas e também a intensidade do treinamento.

Pedais mais longos – O famoso “Longão”

Em pedais mais longos, atletas menos condicionados costumam sentir dores principalmente associadas a fadiga. Sinais como mãos e pés formigando, lombar dolorosa e até ombros cansados, mostram que algo pode estar errado na posição de pedalar.

Se as dores ocorrerem de maneira recorrente, é importante reavaliar diversos fatores relacionados ao ciclismo. Como, por exemplo, a técnica da pedalada, já que mesmo com o bike fit adequado, alguns atletas podem, por exemplo, “jogar o joelho para dentro ou para fora”, gerando cargas assimétricas e, consequentemente, lesões. O fortalecimento e alongamento de grupos musculares específicos também contribuem para a diminuição dessas dores.

Outros fatores para lesões no ciclismo 

Outros fatores que são importantes a serem observados e são frequentemente negligenciados por alguns esportistas: a nutrição, hidratação e reposição de eletrólitos, que devem ser avaliados criteriosamente por um nutricionista.

* E se mesmo assim as dores persistirem, um ortopedista deve ser consultado para descartar possíveis lesões ortopédicas relacionadas.

Veja também:

Um comentário em “Saiba como prevenir lesões no ciclismo – Sobrecarga

Comentários estão encerrado.