5 bons pneus para sua bike de estrada

5 bons pneus para sua bike de estrada

Nossos especialistas selecionaram 5 pneus para você dar um UPgrade nos “sapatos”da sua magrela!

Importante: Pneus carecas são um grande facilitador para acidentes e furos. Bora conferir as qualidades de cada um!

Pneu Maxxis Dolomites 700×23

O pneu Maxxis Dolomites na medida 700×23 é indicado para você que quer um produto de baixo custo mas não abre mão de um pneu de uma grande marca. A Maxxis desenvolveu o pneus Dolomites para ciclistas rodarem principalmente em estradas / asfalto com pouca umidade. Ele possui uma banda de rolagem com área central lisa, minimizando o máximo a resistência na rolagem.

Pneu Continental Ultra Sport III 700×25

Outro bom pneu para quem busca custo benefício. O Continental Ultra Sport III está acima do Maxxis Dolomites e oferece uma boa proteção contra furos, possuindo um forte revestimento de 3 camadas. O Continental Ultra Sport III também possui uma boa aderência e longa vida útil graças ao composto PureGrip ou “Pura Aderência” à base de sílica. Opinião de quem escreve: durante 8 meses rodando com uma Caloi Strada Racing eu utilizei esse pneu e me lembro muito bem: tive que trocar a câmara de ar em apenas 2 oportunidades. Rodava 3x por semana na Ciclovia do Rio Pinheiro + Estrada dos Romeiros 1x ao mês. Baita pneu custo benefício.

Pneu Michelin Lithion 3 700 X 25

Esse é o meu atual pneu. Outro bom custo benefício com o sobrenome da gigante Michelin. Seu principal atributo: Excelente aderência no piso molhado com mais durabilidade graças à tecnologia Grip Compound. Nunca tive problemas em rodar no piso molhado: instalei o Michelin Lithion 3 na minha Cervelo R3 no dia 23/12/2021 e de lá pra cá choveu muito em São Paulo (Verão!). Fiz o percurso da Rota da Frutas com MUITA CHUVA e não tive problemas +)

Continental Gatorskin

Esse é o pneu que eu desejo! Uma frase para definir o Gatorskin: alta durabilidade. Pedalar no Brasil e independente da sua cidade, sempre é um “desafio”: Normalmente vamos encontrar pisos irregulares e uma malha asfáltica de péssima qualidade devido a baixos investimentos públicos e muitos buracos ou remendos. Para solucionar esse problema: compre um pneu “parrudo” para aguentar o tranco. Aqui o perfil do ciclista é aquele que não quer ter dor de cabeça em ficar trocando câmera de ar ou fazer remendos. Porém isso tem o seu preço (alto)… Com a tecnologia PolyX Breaker, a Continental traz sua experiência em pneus para automóveis para o segmento de bicicletas.

O poliéster tem sido usado com sucesso há anos em pneus de carros e foi experimentado e testado várias vezes. A fibra de poliéster extremamente resistente e tecida firmemente transversalmente. Deste modo, atinge-se uma densidade de tecido muito elevada que torna o pneu resistente a perfurações.

Pneu Vittoria Corsa G 2.0

Ride like a Pro! Sim, rodar como um profissional! O Vittoria Corsa G 2.0 já foi utilizado por campeões do Tour de France, Giro d’Italia, Vuelta da Espanha. A Vittoria traz a tecnologia G, que é um o composto exclusivo de grafeno da marca italiana que fabrica pneus de 1953. O resultado é um composto que é superior em velocidade (resistência ao rolamento), aderência, durabilidade e resistência ao desgaste.

O Vittoria Corsa G 2.0 tem 19% a menos de resistência ao rolamento em comparação com o mesmo produto sem o componente grafeno, além de apresentar maior aderência e durabilidade. Estas características, em combinação com o revestimento de algodão Aramid dão um toque extra de reforço e flexibilidade no pneu dos campeões e vencedores de acirrados sprints em grandes voltas. Sabe aquela escolha que você não vai errar: O Vittoria Corsa G 2.0 é esse pneu.

Veja também: